domingo, 9 de junho de 2013

Amor das seis cordas



Voz é calma
Forma insondável de sentir
Batimentos são ritmos
Essência das duas vidas
Respiração é presença
Som que abraça os sentidos
Os passos, sinais
Que oscilam com a dinâmica

São tantos os sons
Que tocam esse amor
São tantas as músicas
Que cantam esses olhos

E no canto do quarto
Em lugar de destaque
A guitarra apaixonada se pergunta
Quais notas e compassos preciso aprender
Para tocar os sons de Lucas?